Pescadores



Pescadores

70 cm X 90 cm
Técnica Mista sobre tela

Ano 2008

Nesta tela, Gráccio Caetano retrata os pescadores com suas feições e mãos vigorosas, porque no mar só vencem os fortes guerreiros.  


Os pescadores olham firmes para a frente porque desafiam a incerteza do mar com a sua própria vida.


O barco está esculpido na tela navegando da noite sombria para o amanhecer da madrugada fria. 


Uma rede sai das mãos dos pescadores e cai sobre o mar. Esta rede nos foi dada por um pescador da zona do Porto simbolizando a faina de todos os pescadores.



Para esta obra, Rosária Grácio fez o seguinte poema:

"As mãos dos pescadores
Contam as memórias
Da sua árdua luta no mar…
Longas noites sem glórias
Banhadas pelo frio luar…
Cruéis interrogações
Enchem as redes pela manhã…
Inquietações arfam no peito
Com tantas esperanças vãs…
Viver desta faina, é eterno pleito.
Só por cega paixão,
É que avança o barco no mar,
E toda a pena amaina…"



Para saborear melhor esta obra e o seu poema convidamos-lhe a assistir o vídeo que fizemos onde poderá sentir um pouco do que em Gráccio Caetano sentiu ao realizar esta linda obra.



As imagens são pinturas originais de Gráccio Caetano. Visite a galeria virtual de Gráccio Caetano e conheça a sua Arte com alma em:


Para mais informações, contacte-nos!
912193988 
gracio.vilela.caetano@gmail.com



Sem comentários: